EDGARD SCANDURRA

Edgard Scandurra revisita sua obra em quatro apresentações no Centro da Terra!

O projeto, intitulado O Operário do Rock, traça um panorama da carreira do músico em paralelo à sua banda mais famosa, o Ira!.

 

No show do dia 07/05, Edgard interpreta seu disco solo de estréia, Amigos Invisíveis (1989) - trabalho que concretizou a estética modernista peculiar do músico, apelidada por ele próprio de "tropical mod" -, na íntegra, ao lado de Daniel Scandurra (baixo), Taciana Barros (teclados) e Fábio Golfetti (guitarra).

 

Na segunda-feira do dia 14/05, Edgard revive clássicos do repertório das bandas Mercenárias - que contou com ele como baterista na primeira formação e produtor do disco de estréia, Cadê As Armas? (1986) - e Smack, fundado por ele na companhia da também "Mercenária" Sandra Coutinho, do baterista Thomas Pappon (Voluntários da Pátria e Fellini) e do guitarrista Sergio Pamplona. Convidados especiais participam deste show.

 

Uma semana depois, no dia 21/05, o músico realiza um olhar sobre o passado, como se lá, o moderno fosse mais moderno do que é hoje, e relembra canções que marcaram sua vida. Os fiéis escudeiros Silvia Tape e Johnny Boy acompanham Edgard no palco em um mergulho intimista em um oceano de referências e releituras. O repertório vai de Aphrodite Childs a Daft Punk, trilhas de David Linch e Alan Parsons, alguns lados B e canções inéditas de sua autoria.

 

Já no dia 28/05 é a vez de entoar o som potente, com variações entre o rock e a emusic, passando pelo rock modernista, eletro rocks, baladas a la Sergge Gainsbourg e "lenhas" ao estilo infernal do tecno underground com a fase Benzina de Edgard. Ao lado de Sandra Coutinho (baixo e voz) e Michelle Abu (bateria e percussão), o artista traz temas de seu segundo disco, Benzina (1996), e de seu trabalho mais eletrônico, Amor Incondicional (2006), apontado pela mídia brasileira especializada como uma das jóias raras da nova música eletrônica. Show para se energizar, se emocionar e dançar!

 

Comentários
Sobre a casa
Centro da Terra
Fundado em 2001 e reformado em 2015, o espaço cultural autônomo Centro da Terra, gerido pela Kompanhia do Centro da saiba mais
Postagens relacionadas

Shows em destaque

só gratuitos
não foram encontrados resultados para a sua pesquisa