BLOCO ANO PASSADO EU MORRI, MAS ESSE ANO EU NÃO MORRO

Ensaio aberto no Estúdio Bixiga!

O Bloco Ano Passado Eu Morri, Mas Esse Ano Eu Não Morro, que celebra a obra politizada do mestre Belchior, ocupa o Estúdio Bixiga no dia 26 de janeiro.

 

Formado em 2017, entre o impeachment de Dilma Rousseff e a morte de cantor e compositor cearense, o bloco brinca o carnaval desobedecendo e nunca reverenciando aqueles que tentam matar a voz, a diversidade e a capacidade de indignação do povo brasileiro.

 

Temas como "Sujeito de Sorte" (cujo principal trecho dá nome ao bloco), "Apenas Um Rapaz Latino-Americano", "Como Nossos Pais" Alucinação" e "Comentário a Respeito de John" compõem o repertório, bem como canções de outros artistas que dialogam com a temática do coletivo, como "Menina Amanhã de Manhã", de Tom Zé, "Divino Maravilhoso", de Caetano e Gil e "Sulamericano", da banda Baiana System, além de fazer citações a Chico Science & Nação Zumbi, Rage Against The Machine e White Stripes.

 

Classificação: 18 anos

 

Local

Estúdio Bixiga

R. Treze de Maio, 825 - Bela Vista - São Paulo

Shows relacionados